Últimas do Mix

Deputado Wilker Barreto diz que Wilson Lima gastou R$ 20 milhões com jatos para viagens fora do Amazonas

Foto: Montagem/Mix de Notícias
Na manhã desta quinta-feira (14), durante a Sessão Ordinária da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), o deputado estadual Wilker Barreto (Podemos), pontuou supostas irregularidades cometidas pelo governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC).

“Eu quero pegar 50% do que Wilson Lima gastou com jatinho, até agora. Para conhecimento da sociedade, Wilson Lima gastou mais de R$ 20 milhões com jatos. Não sou contra que o governador use aviões para se deslocar dentro do Amazonas, para ir à Fonte Boa, em Santo Antônio do Içá, sabemos da dificuldade da malha viária. Agora, ir para Brasília, São Paulo, que tem voo de carreira quase todo dia?”, questionou o deputado, afirmando que o governador não consegue investir R$ 10 milhões com os idosos.

IPVA e mais gastos irregulares na pandemia

O deputado Dermilson Chagas (sem partido), iniciou a explanação, no pequeno expediente se posicionando contra o veto da base aliada ao Governo do Amazonas, que derrubou o Projeto de Lei (PL) nº 241/2019, do colega Wilker, que prevê uma proteção fiscal aos amazonenses que por algum motivo não conseguiram ou não tiveram condições de pagar o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), que é um imposto estadual.

“Os carros não eram para ser presos pelo não pagamento do IPVA, foi uma discussão em que a base do governo, derrubou o projeto do deputado Wilker, o que mostra a falta de preocupação com o cidadão, que estão desempregados, sem recurso e que que tem em seu carro como um utensilio de utilidade”, pontuou Dermilson.

Além disso, o deputado exemplificou uma lei estadual de Piauí, onde não se pode apreender nem recolher veículos por falta de comprovação de impostos ou taxas, salientando que o os deputados da base governista, atendem os interesses que o governador do Amazonas, tem de “arrecadar em cima do sofrimento alheio”.

“Não estamos falando que não é para pagar IPVA, não. Só é não levar o bem e o suor do trabalhador no meio da rua”, acrescentou Wilker Barreto.

O representante do Podemos também afirmou que segue investigando os contratos milionários realizados pelo governador na Secretaria de Educação do Amazonas (Seduc-AM), incluindo R$ 23 milhões em livros, levando em conta que todos os alunos estavam em aulas remotas.

Nenhum comentário