Últimas do Mix

Arthur Neto, rival de Omar Aziz, declara apoio a Bolsonaro no segundo turno das Eleições

Foto: Reprodução/CNN
O ex-prefeito de Manaus e ex-senador do Amazonas, Arthur Virgílio Neto (PSDB), declarou nesta segunda-feira (17), seu voto e apoio à reeleição do presidente Jair Bolsonaro (PL), durante reunião no Palácio da Alvorada, em Brasília.

“Vim com tranquilidade, com espírito muito livre, dizer que meu voto é Bolsonaro. E voto com muita tranquilidade, sabendo que ele tem, no campo econômico, muito mais semelhanças comigo do que o Lula tem”, disse Arthur Virgílio, ao defender a política de privatizações de empresas e concessões à iniciativa privada.

Além de falar sobre as questões econômicas do país que o fizeram decidir apoiar Bolsonaro, Arthur destacou saúde e educação como prioridades.

“Não defendo privatizar o que é de estratégia militar. O resto, o papel do estado é conseguir dinheiro, inclusive com medidas como privatização e concessões onerosas, para se dedicar efetivamente a revolucionar a educação do país. Este é um país que precisa melhorar profundamente seus sistemas de educação e de saúde”, completou.

Além de prefeito e senador, Arthur Virgílio ocupou os cargos de ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República durante o governo de Fernando Henrique Cardoso, e deputado federal pelo Amazonas.

Arthur esteve candidato ao Senado Federal nas eleições deste ano, mas foi derrotado por um de seus maiores adversários políticos, Omar Aziz (PSD), que conquistou a reeleição fazendo campanha ao lado do ex-presidente Lula (PT).

O ex-prefeito de Manaus protagonizou diversas trocas de farpas com o rival, sendo uma das maiores entre as recentes, o debate político na Band News, onde Arthur disse que o adversário teve um 'mandato apagão', e que o mesmo é "o mais medíocre e mais desesperado" entre os senadores. 

*Victória Cavalcante - Mix de Notícias

Nenhum comentário