Últimas do Mix

Apresentador bilionário da CNN diz que não pretende deixar herança para o filho: ‘Pago a faculdade e ele se vira’

 

O pequeno Wyatt é o único filho do apresentador, que o teve com a ajuda de uma barriga de aluguel (Reprodução/@andersoncooper/Instagram)

O apresentador da emissora americana CNN, Anderson Cooper, disse recentemente que não pretende deixar sua herança bilionária ao seu filho Wyatt Morgan, de apenas um ano. Filho da socialite Gloria Vanderbilt, que faleceu em 2019, sua fortuna é avaliada em mais de R$ 1 bilhão.

Segundo o site Yahoo Finance, o jornalista ganha cerca de U$ 12 milhões por ano na emissora, o que equivale a aproximadamente R$ 64 milhões. O pequeno Wyatt é o único filho do apresentador, que o teve com a ajuda de uma barriga de aluguel.

“Não acredito em repassar grandes quantias de dinheiro. Não estou muito interessado em dinheiro, mas não pretendo ter algum tipo de pote de ouro para meu filho”, disse Cooper em entrevista ao podcast Morning Meeting. “Eu vou fazer como os meus pais diziam: ‘Pago a faculdade e você se vira'”, acrescentou.


‘Acho que é uma maldição’

Durante a entrevista, Anderson Cooper falava sobre seu novo livro “Vanderbilt: The Rise and Fall of an American Dynasty” (“Vanderbilt: A ascensão e queda de uma dinastia americana”, em português). A obra, que conta a história da sua família, é uma carta aberta ao seu filho.

“É um livro que nunca pensei que escreveria. Em muitos aspectos, é uma família da qual realmente tentei me distanciar de grande parte da minha vida”, disse Cooper, que em 2014 já se mostrava resistente à ideia de receber herança da mãe.

Durante o programa de rádio The Howard Stern Show, ele chegou a dizer na época que o dinheiro, quando passado de pai para filho, era uma “maldição”. “Não acredito em herdar dinheiro. Acho que é uma maldição. Desde quando eu estava crescendo, se eu sentisse que havia um ‘pote de ouro’ esperando por mim, não sei se teria ficado tão motivado”.




Fonte: BHAZ

Nenhum comentário