Últimas do Mix

Processo de alfabetização na rede municipal de ensino é reforçado

 

                                                                Foto:divulgação


No Dia Mundial da Alfabetização, celebrado nesta quarta-feira, 8/9, a Prefeitura de Manaus reafirma o empenho, por meio da busca ativa, para auxiliar os alunos que estão com dificuldades, combatendo o analfabetismo de crianças, adolescentes e adultos. A pandemia da Covid-19 comprometeu a rotina de todos, transformando, há mais de um ano, as aulas presenciais em remotas. A Secretaria Municipal de Educação (Semed), por meio de projetos, trabalha para recuperar a aprendizagem dos mais de 250 mil estudantes da rede municipal.

Com o avanço da vacinação em Manaus, as aulas voltaram a ser 100% presenciais, desde o último 23/8. E para não deixar nenhum aluno para trás, os assessores da Divisão de Ensino Fundamental (DEF) e das Divisões Distritais Zonais (DDZs), junto com os professores e pedagogos das escolas da rede municipal de ensino, intensificaram a busca ativa, para identificar os alunos que estão com dificuldades no ensino.

De acordo com o secretário municipal de Educação, Pauderney Avelino, a alfabetização na rede municipal de ensino inicia pela educação infantil, e no 1º e 2º ano os alunos já devem estar alfabetizados, antes mesmo de finalizar o 3º ano.

 “Para o prefeito David Almeida e para todos nós da Semed, a alfabetização é uma questão fundamental, por isso desenvolvemos planos para que as crianças possam iniciar o processo de alfabetização ainda na educação infantil. Dessa forma, os alunos poderão ser alfabetizados no 1º ano do ensino fundamental, e no 2º e 3º ano já estarão lendo, escrevendo e interpretando textos. Nós detectamos alunos do 4º ano que não sabiam ler e escrever, por isso estabelecemos metas para reduzir esse problema social e vamos premiar escolas que erradicarem o analfabetismo”, enfatiza Pauderney.


Nenhum comentário