Últimas do Mix

Nejmi Aziz segue de licença e Omar diz que deputada está "sem receber nada"

Foto: Reprodução
A deputada estadual Nejmi Aziz (PSD), segue sem exercer seu cargo e estendendo sua licença médica, de acordo com o marido dela, o senador Omar Aziz (do mesmo partido), Nejmi está fazendo um tratamento de saúde "muito difícil".

Ainda de acordo com o senador e presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia, sua esposa está sem exercer suas funções políticas e sem seu salário. "Ela está de licença e não está recebendo nada".

Nejmi assumiu o cargo de deputada estadual na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), em dezembro de 2020, como suplente, no lugar de Augusto Ferraz (DEM).

A deputada tem até o dia 4 de dezembro para retomar seu trabalho, tendo em vista que um parlamentar pode ficar afastado, segundo regimento da Aleam, em prazo máximo de 120 dias (quatro meses).

Nejmi, que é ex-primeira dama do estado do Amazonas, foi presa temporariamente em julho de 2019, durante a Operação Vertex, que faz parte da Operação Maus Caminhos, que investiga a prática de crimes de corrupção passiva, lavagem de capitais e a existência de uma organização criminosa que desviou recursos milionários da Saúde do Amazonas.

Na época, além da ex-primeira dama, seu marido (Omar Aziz), e seus cunhados foram presos e levados para a Superintendência da Polícia Federal do Amazonas.

Quando as prisões aconteceram, Nejmi que era candidata a deputada estadual declarou um patrimônio de $ 30.329.324,86, superando à soma de todo o patrimônio dos seis então candidatos ao governo do Estado: Amazonino Mendes (PDT) com R$ 3,4 milhões em bens; Omar Aziz (PSD) R$ 1,5 milhão; David Almeida (PSB) R$ 582 mil; Sidney Cabral (PSTU) R$ 163 mil; “Berg da UGT” (PSOL) R$ 65 mil; e Wilson Lima (PSC) R$ 55,9 mil. 

No início de 2021, diversos portais de notícias publicaram, como em apenas quatro anos, o patrimônio de Nejmi subiu mais R$ 4 milhões, chegando a R$ 34.330.134,71.

Ao que tudo indica, se Omar estiver certo, o salário de deputada não fará tanta falta assim para Nejmi.

Nenhum comentário