Últimas do Mix

Prefeitura alerta para proibição de garrafas de vidro na praia Ponta Negra

 

Reprodução

Após a flexibilização para o uso da praia da Ponta Negra, cujo funcionamento voltou a ser de segunda a domingo desde novembro de 2021, a Prefeitura de Manaus alerta aos usuários para a segurança e bom uso do complexo, lembrando os itens proibidos no parque. Entre eles, um tem chamado atenção durante as vistorias do corpo permanente que atua no espaço: as garrafas de vidro.

Os objetos são proibidos na praia por questões de segurança, por serem perfuro-cortantes. Em média, a comissão que atua na gestão do complexo tem feito a apreensão e recolhido entre 150 e 180 garrafas por semana. Os permissionários que trabalham no complexo são proibidos, por contrato, de vender bebidas engarrafadas em vidro. A orientação é que o público frequentador não leve para o espaço garrafas e objetos de vidro, perfurocortantes ou similares, sob pena de apreensão dos mesmos.

A comissão, que coordena a gestão do parque, faz diversas abordagens orientando e apreendendo os objetos proibidos, além de alertar os frequentadores para o uso da máscara. O trabalho é feito como orientação e informação, e as medidas de prevenção devem ser individuais, com a colaboração da população.  A prefeitura reforça ainda as ações para vacinação ao público vacinável, uma das armas efetivas de combate à pandemia.

“Nossa recomendação é que todos possam vir de máscara, mantendo os cuidados necessários para estarem tranquilos, mesmo em um espaço público e aberto, ao ar livre. Todos que vieram ao parque, tanto para a praia quanto para o calçadão, devem usar máscara para sua proteção. Os cuidados precisam ser tomados, para que possamos aumentar a população vacinável imunizada, o que nos dará mais segurança”, afirmou o subcoordenador da comissão do parque, Alfredo Cesar Freitas.

Acesso

Em abril de 2021, o prefeito David Almeida ampliou o espaço destinado à prática de exercícios físicos individuais e caminhadas no complexo turístico Ponta Negra com a abertura de uma faixa liberada aos domingos.

A flexibilização de medidas restritivas permitiu o acesso à praia do complexo de segunda a domingo, de 6h às 17h. Não apenas os frequentadores devem respeitar as marcações feitas pelos salva-vidas do Corpo de Bombeiros, mantendo sua segurança, mas também os proprietários de embarcações.

Agentes de segurança, como Guarda Municipal e Polícia Militar, atuam para retirada de quem insiste em desrespeitar o uso correto no balneário.

A Prefeitura de Manaus ressalta que é importante respeitar as normas de uso do espaço e não ultrapassar o cordão de isolamento na água, colocado pela equipe de salva-vidas do Corpo de Bombeiros, que indica a área de segurança dos banhistas no rio. Além do horário indicado para banho – até as 17h – e a preocupação com as crianças dentro do rio, a recomendação principal é o cuidado no consumo de bebidas alcoólicas.

Os corpos permanentes de segurança, incluindo Guarda Municipal, com ciclopatrulha, a Polícia Militar e bombeiros atuam no monitoramento da praia e na segurança dos banhistas até 17h, bem como na segurança e manutenção do patrimônio de todo o complexo. Equipes da Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp) também reforçam a higiene do calçadão e da praia perene.

Nenhum comentário