Últimas do Mix

Projeto “CNH na Escola” oferecerá aulas de legislação gratuitas para alunos da rede pública de Manaus

Está previsto para o final deste mês o início do projeto “CNH na Escola” em cinco centros de educação de tempo integral (Cetis) da rede estadual de ensino da capital, de forma piloto. O projeto faz parte do programa Detran Cidadão e da Escola Pública de Trânsito do Amazonas (Eptran). Aproximadamente 900 alunos dessas escolas podem participar do projeto.

O “CNH na Escola” tem como objetivo atender alunos do Ensino Médio da rede pública estadual oferecendo, de forma gratuita, aulas de legislação de trânsito a esses estudantes. As aulas serão ministradas pelos profissionais do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM).

A partir desse piloto, o projeto será expandido para outras escolas da capital e também do interior do estado. As primeiras cinco instituições beneficiadas com o projeto “CNH na Escola” são os Cetis Gilberto Mestrinho, João dos Santos Braga e Áurea Braga, além da Escola Estadual Alice Salerno e do Instituto de Educação do Amazonas (IEA).

O projeto inicia pelo Ceti Gilberto Mestrinho, no bairro Educandos, zona sul, no dia 21 de março. No dia 22, será a vez do Ceti João dos Santos Braga, na Cidade Nova, zona Norte. No dia 23 a iniciativa acontece no IEA, no Centro, e, no dia 24, o Ceti Áurea Pinheiro Braga, na Compensa, zona oeste de Manaus. Em abril, o projeto chega à Escola Alice Salerno, no bairro Parque 10, na zona centro-sul.

Os alunos que se interessarem em ingressar no projeto terão aulas de legislação de trânsito com uma carga horária maior que nas autoescolas, ministradas ao longo dos três anos do Ensino Médio.

Ao final, se esse aluno já possuir 18 anos e tiver concluído o projeto “CNH na Escola”, já poderá procurar o Detran-AM para realizar a prova teórica. Se aprovado, está apto a se matricular em uma autoescola para realizar a parte prática de direção do curso de formação de condutor.

O projeto “CNH na Escola” vai permitir que, ao final do processo para tirar a primeira CNH, esse aluno da rede pública estadual de ensino economize aproximadamente R$ 500 para obter a carteira de habilitação.

‘Educar para o Trânsito’

O Detran iniciou, no dia 4 de março, as visitas técnicas nas escolas estaduais de ensino fundamental selecionadas para a implantação do projeto “Educar para o Trânsito”.

Esse projeto faz parte da Eptran e tem o objetivo de levar educação de trânsito para crianças do Ensino Fundamental II, de forma transversal, dentro das disciplinas já ministradas.

O Detran-AM vai capacitar professores da rede estadual de ensino fundamental para ministrar esse conteúdo.

Cinco escolas participam do projeto, também de forma piloto. São elas as Escolas Estaduais Irmã Gabrielle Cogels, no bairro Puraquequara; Áurea Braga, no Gilberto Mestrinho; Antônio Maurity, no Coroado; e Manuel Rodrigues, no Armando Mendes; além do Ceti Elisa Bessa, no Jorge Teixeira. Todas as unidades ficam situadas na zona leste de Manaus.

Parceria 

Tanto o “CNH na Escola” quanto o “Educar para o Trânsito” serão realizados em parceria com a Secretaria de Estado de Educação e Desporto. No ano passado, o Detran-AM assinou um termo de cooperação para a secretaria fazer a distribuição dos dois livros que serão utilizados nos projetos e, ainda, ceder a estrutura do Centro de Mídias (Cemeam) para a criação de materiais audiovisuais e das teleaulas.

A parceria também vai permitir o uso da estrutura de transmissão ao vivo de aulas para o interior do estado, quando a Escola Pública de Trânsito iniciar a fase de cursos especializados, como especialização para mototaxista, motorista de veículo de emergência, entre outros.

Nenhum comentário