Últimas do Mix

O que é o adenovírus 41F, indicado como causa da hepatite misteriosa

 

Istock

Ao menos 169 crianças com idades entre um mês e 16 anos já foram diagnosticadas com hepatite aguda em países da Europa e nos EUA. A gravidade da doença levou 17 crianças a passarem por transplantes de fígado e uma delas morreu. Os misteriosos casos de inflamação grave do fígado ainda não têm causa definida, mas evidências apontam para a infecção pelo adenovírus 41F.

Existem muitos tipos de adenorvírus – um vírus comum que pode causar sintomas gripais ou gastrointestinais, como febre, vômito e dor abdominal – mas o 40 e o 41 são conhecidos por causar inflamações gástricas.

A Agência de Segurança da Saúde do Reino Unido (UKHSA, na sigla em inglês) informou que, para a maioria dos casos registrados no país, a tipagem preliminar do adenovírus, feita à partir de amostras de sangue, foi consistente com o tipo 41F.

“As informações coletadas através das investigações sugerem cada vez mais que o aumento de casos graves de hepatite pode estar ligado à infecção por adenovírus, mas outras causas ainda estão sendo investigadas ativamente”, informou a UKHSA em um comunicado, na terça (26/4).

Dados da UKHSA mostram que o adenovírus foi detectado em 40 dos 53 casos de hepatite confirmados (75%) no Reino Unido.

A maioria dos casos foi registrado no Reino Unido, mas também há notificações nos Estados Unidos, Espanha, Israel, Dinamarca, Irlanda, Holanda, Itália, França, Noruega, Romênia e Bélgica.


Sintomas da hepatite:

  • Dor de barriga;
  • Perda de apetite;
  • Febre;
  • Dores musculares e articulares;
  • Mal estar;
  • Cansaço extremo e duradouro;
  • Icterícia (olhos amarelados);
  • Urina escura;
  • Fezes pálidas, de coloração acinzentada;
  • Coceira na pele.


Metrópoles*

Nenhum comentário