Últimas do Mix

Briga por atraso de carona para faculdade viraliza nas redes e diverte internautas: "Fofoca delicinha"

Foto: Reprodução Redes Sociais

Na última terça-feira (3/5), um grupo de Whatsapp de caronas de BH tornou-se um dos assuntos mais comentados nas redes sociais por causa de uma briga entre os integrantes. A história foi divulgada por uma pessoa que participa do grupo mas não estava envolvida na confusão.

No Twitter, a estudante de Engenharia Elétrica da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Isadora, publicou uma captura de tela de uma conversa no grupo ‘Caronas UFMG, Raja e Barão’, que une ‘caroneiros’ e motoristas que fazem o trajeto da universidade para a Avenida Raja Gabaglia e Avenida Barão Homem de Melo.

Na imagem, a integrante Júlia oferece carona da Avenida Barão Homem de Melo para a UFMG. Em resposta, Paloma diz que é preciso ter empatia com os outros e não deixá-los para trás caso atrasem. “Não há necessidade de fazer um 'castigo' para os outros", escreveu.

No post, Isadora declarou torcida para Júlia e comentou que odeia atrasos. “Agora, quem oferece carona é obrigado a chegar atrasado porque um caroneiro tá enrolando muito?”, pontuou.

Logo, a publicação viralizou na rede social. Nesta quinta-feira (5/5), o tuíte conta com mais de 80 mil curtidas e mais de 9 mil comentários, com opiniões divididas.

Ao longo do dia, Isadora atualizou os seguidores da fofoca. Em resumo, Paloma estava defendendo a amiga, Natália, que se atrasou, segundo ela nas mensagens, em dois minutos e foi deixada para trás.

Em defesa, Julia contou que não tinha como ficar muito tempo com o carro parado na avenida movimentada por risco de acidente, entre outros fatores. A motorista até mandou, no grupo, um print da conversa particular com Natália em que a caroneira diz “se tiver problema, pode ir”.

A confusão foi tão grande que um outro integrante, Fernando, ameaçou silenciar o grupo. Mas, depois voltou com soluções: avise se estiver atrasado e avise se não puder se atrasar.

Fernando pode ter abafado a confusão no grupo, mas no Twitter, a briga continuou. Alguns pegaram as dores da Júlia, como a Isadora, enquanto outros defenderam as amigas caroneiras. E um terceiro lado surgiu: os agentes do caos que gostam da fofoca.

Veja as conversas

#TeamJulia

#TeamNatáliaPaloma

 #TeamConfusão

O terceiro lado da confusão é o apoio à fofoca. Internautas agradeceram Isadora por "edificar" o dia com a confusão.



Fonte: Correio Braziliense

Nenhum comentário