Últimas do Mix

Jovem que questionou Zambelli sobre crise de oxigênio em Manaus relata sofrer ameaças de morte

O estudante Victor Carazzatto, 18, diz ter recebido ameaças de morte em redes sociais após ter gravado um vídeo em que faz perguntas em tom crítico à deputada federal Carla Zambelli (PL-SP) durante ato pró-Bolsonaro no último domingo (1º) na avenida Paulista.

O vídeo, que teve mais de 500 mil visualizações foi compartilhado por políticos como Sergio Moro (União Brasil) e Humberto Alencar (PT).

Carazzatto faz perguntas à deputada sobre o negacionismo do governo federal na pandemia e o aparelhamento da Polícia Federal.

Por exemplo, o jovem questionou a deputada sobre de quem era a culpa pela falta de oxigênio em Manaus durante o pico da segunda onda da pandemia da Covid-19 em 2021. Ela disse que a culpa era de Manaus, mesmo com o aviso prévio de uma semana antes da crise ao governo Bolsonaro.

Com relação as ameaças de morte, o youtuber fez boletim de ocorrência em uma delegacia de São Paulo relatando as ameaças nesta quarta-feira (4).

“Assim que o vídeo começou a viralizar, começaram as ameaças”, diz ele, que tem um canal no YouTube desde 2018 e uma conta no TikTok. As mensagens chegaram via Twitter e Instagram.

Uma delas diz: “Se é meu filho, arranco sua orelha no tapa, seu verme”. Em outra, uma pessoa afirma: “Coloca essa franga numa viatura e desova no Pacaembu”.

Segundo o estudante, o registro na polícia foi feito como precaução. “Fiz o B.O mais por garantia, para registrar e não deixar passar em branco, mas estou sem grande preocupação. E não vou me deixar intimidar”, afirma ele, que pretende continuar fazendo os vídeos.

Carazzatto, que faz curso pré-vestibular, diz que pretendia ir à Paulista falar com os manifestantes que defendem o presidente, quando encontrou por acaso a deputada em uma rua paralela e pediu uma conversa com ela.

Confira o vídeo:


Miniatura da versão das 21h46min de 23 de maio de 2021

Nenhum comentário