Últimas do Mix

Tenente da PM-AM usa carro da instituição para invadir condomínio em Manaus

O tenente da Polícia Militar e servidor da Casa Militar, Dilson Castro, foi visto utilizando um carro institucional para perseguir clientes de um restaurante e invadir um condomínio privado em Manaus.O caso teria acontecido neste domingo (12). As informações são do G1. 

De acordo com testemunhas, a invasão aconteceu após ele discutir com os clientes em um restaurante na zona Centro- Sul de Manaus. Os denunciantes, que preferiram não se identificar, informaram que a discussão aconteceu em um café de propriedade do policial.

Segundo eles, a discussão começou por conta de pedidos que não foram servidos. Após os pedidos feitos no estabelecimento não serem entregues, eles se sentiram prejudicados e foram até o balcão reclamar e informaram que se recusariam a pagar. Irritado com a situação, o tenente perseguiu os clientes até a casa em que eles moram e invadiu a propriedade com o carro institucional sem autorização.

Os denunciantes dizem que ele estava utilizando o carro do Governo do Estado, mesmo sem estar em serviço. A placa do veículo é PHU7G84. O carro é geralmente utilizado para fazer a escolta de autoridades do Governo estadual em eventos.

Um Boletim de Ocorrência sobre o caso foi registrado. O g1 entrou em contato por telefone com o estabelecimento, mas funcionários do local preferiram não se manifestar.

Por meio de mensagem, a reportagem também entrou em contato com Dilson. Ele informou que considera normal a abertura das investigações e se limitou a dizer que "Quem não deve, não teme".

O que diz o Governo

Por meio de nota, o Governo do Amazonas informou que um procedimento para apurar o caso será aberto pela Polícia Militar do Amazonas. Ainda de acordo com o governo, o servidor será afastado de suas funções. 

Nenhum comentário