Últimas do Mix

Diretora é presa após furtar 20 condicionadores de ar de escola pública em Manaus

 

Foto: divulgação

Manaus – Paula Vasconcelos Pereira, 50, e seu marido Walciney Soares Pereira, 53, foram presos nesta quarta-feira (27) após denúncias de que estavam furtando condicionadores de ar da Escola Pública Municipal CMEI Hermann Gmeiner (Aldeia SSO) na avenida Cacilda Pedrosa, bairro do Alvorada, zona centro-oeste de Manaus.

As equipes do 17° Distrito Integrado de Polícia (DIP), por volta das 12h30 , receberam a denúncia de que estavam sendo desviados mais de 20 condicionadores, (evaporadores e condensadores), da escola municipal. Ao se deslocaram para a instituição em busca de informações sobre o furtos dos aparelhos, pediram para falar com a diretora que foi até o DIP prestar esclarecimentos.

Foto: divulgação

Segundo informações da polícia, a gestora estava muito nervosa, alegando que não havia desvio nenhum.

As equipes se deslocaram até o endereço da denúncia que fica no mesmo bairro, na rua B-25, para checar se havia o material desviado. Chegando lá, encontraram os aparelhos escondidos, e com eles estava o  marido de Paula. O mesmo confessou que eram aparelhos pertencentes ao patrimônio público municipal, que trocavam velhos pelos novos para fraudar os tombos dos bens, em sede de declarações.

Um motorista de frete afirmou que fez duas entregas, um, levando 17 condicionadores de ar e outro levando 13 condicionadores da escola para o endereço citado, totalizando 30 aparelhos.

Foram encontrados nos aplicativos de mensagens dos autores como faziam para retirada dos aparelhos e a venda dos mesmos.

Em nota a Secretaria Municipal de Educação (Semed) informa que as medidas que cabem à rede municipal de ensino foram tomadas, a gestora foi imediatamente afastada da função na escola e foi iniciado o Procedimento Administrativo Disciplinar (PAD).  A Semed informa ainda que está prestando todo apoio, com informações para o prosseguimento das investigações. 

Eles serão flagranteados por Peculato (furto) e Receptação e encaminhados para audiência de custodia no fórum de Manaus.





Nenhum comentário