Últimas do Mix

Palmeiras vence o Dérbi e amplia margem em relação ao Corinthians no Brasileirão

Verdão venceu o Timão por 1 a 0 na Neo Química Arena (Foto: Alex Silva/Lancepress!)


Em clássico válido pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras superou o Corinthians por 1 a 0, na Neo Química, e acabou o ano vencendo os três Dérbis entre as equipes. Roni (contra) fez o único gol da partida.

Com o resultado, o Verdão amplia a vantagem na liderança do Brasileirão para nove pontos em relação ao Timão, que só venceu um clássico na temporada. O clube alviverde possui 48 pontos, enquanto o Time do Povo estaciona nos 39 pontos e pode ser ultrapassado por Fluminense e Athletico-PR neste domingo.

TIMÃO COMEÇA MELHOR

O jogo começou muito estudado por ambas equipes. O Corinthians explorava os lados do campo, enquanto o Palmeiras trabalhava mais a bola, mas não conseguia encontrar espaços.

A primeira boa chance na partida veio aos 13 minutos. Após boa jogada na direita, Mosquito cruzou rasteiro na entrada da área. Renato Augusto chutou rasteiro, mas não conseguiu colocar força na bola, e Weverton agarrou. No minuto seguinte, Yuri Alberto tentou uma bicicleta, e o goleiro palmeirense novamente encaixou.

VAR EM AÇÃO

Aos 19 minutos, Róger Guedes chegou forte em Gustavo Gómez, e recebeu amarelo do Claus. O árbitro de vídeo recomendou uma revisão, mas o árbitro paulista seguiu apenas com o amarelo.

RENATO AUGUSTO QUASE ABRE O PLACAR

Após contra-ataque puxado por Balbuena, Róger Guedes tocou para Renato Augusto. De fora da área, o meia cortou para o pé esquerdo e chutou cruzado. Weverton caiu e realizou a defesa, e depois Piquerez afastou o perigo. Na sequência, Renato Augusto tabelou com Yuri Alberto, e o camisa 8 avançou com espaço em direção ao gol. De direito, ele tentou chute colocado, mas a bola passou acima da meta de Weverton.

PRESSÃO ALVINEGRA

A equipe da casa ficou perto de abrir o placar aos 13 minutos do segundo tempo com Piton. O lateral invadiu a área, chutou firme, a bola desviou na zaga palmeirense, subiu muito e caiu em cima da meta. Ligado, Weverton mandou para escanteio.

CONTRA O PATRIMÔNIO

O Palmeiras aproveitou o ritmo mais acelerado da partida na segunda etapa, e após uma virada de jogo errada de Fagner, abriu o placar na Neo Química Arena. Dudu acionou Wesley, que esperou a ultrapassagem de Piquerez, e tocou para o lateral. O uruguaio cruzou na área, e Roni mandou contra a própria meta.

Após o gol palmeirense, o Corinthians se lançou ao ataque em busca do empate, mas não conseguiu chances concretas e sofreu sua primeira derrota em casa no Brasileirão. Os corintianos reclamaram de um possível toque no braço de Murillo, aos 45 do segundo tempo, mas o VAR não recomendou a revisão do lance, no que foi o último ato da partida na Arena.

SEQUÊNCIA

No próximo sábado, às 19h, os comandados de Vítor Pereira encaram o Fortaleza, no Castelão. No dia seguinte, às 16h, a equipe de Abel Ferreira recebe o Flamengo, no Allianz Parque.

No meio da semana, o Timão tem compromisso pelas quartas de Copa do Brasil, onde tenta reverter uma desvantagem de dois gols para o Atlético-GO. O Verdão foi eliminado nas oitavas de final para o São Paulo, nos pênaltis.

CORINTHIANS 0 X 1 PALMEIRAS

CAMPEONATO BRASILEIRO - 22ª RODADA

Local: Neo Química Arena, São Pauo (SP)

Data e hora: 13 de agosto de 2022, às 19h

Árbitro: Raphael Claus (FIFA) [SP]

Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (FIFA) [SP] e Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (FIFA) [RJ]

Árbitro de vídeo: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (VAR-FIFA) [SP]

Público/renda: 44.966 / R$ 3.226.090,00

Cartões amarelos: Fausto Vera e Róger Guedes (COR) / Flaco López e Piquerez (PAL)

Cartões vermelhos: -

Gols: Roni (contra) (27'/2ºT) (0-1)

CORINTHIANS

Cássio; Rafael Ramos (Fagner, 13'/2ºT), Balbuena, Bruno Méndez e Piton; Fausto Vera (Roni, 23'/2ºT), Du Queiroz e Renato Augusto; Gustavo Mosquito (Adson, 23'/2ºT), Yuri Alberto e Róger Guedes. Técnico: Vítor Pereira

PALMEIRAS

Weverton; Mayke, Gustavo Gómez, Murilo e Piquerez; Danilo, Zé Rafael e Raphael Veiga (Gabriel Menino, 17'/2ºT); Dudu (Bruno Tabata, 28'/2ºT), Rony (Wesley, 17'/2ºT) e Flaco López (Rafael Navarro, 41'/2ºT). Técnico: Abel Ferreira

Lance!

Nenhum comentário