Últimas do Mix

Prefeitura recupera quase 30 quilômetros de vias na zona Centro-Oeste

 

                                                     Foto: Márcio Melo

Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), segue em ritmo acelerado com as obras do programa “Asfalta Manaus”, que tem a meta de recuperar 10 mil vias na capital. Nesta segunda-feira, 12/9, os serviços são realizados nos bairros Compensa, São Raimundo, Santo Agostinho e Vila Marinho, na zona Centro-Oeste da capital. 

Foram 114 vias já concluídas, somando 28 quilômetros e 665 metros de recapeamento só na zona Centro-Oeste. É a maior ação de recuperação viária já realizada pela Prefeitura de Manaus na capital. 

O trabalho é executado, simultaneamente, por equipes espalhadas pela zona Centro-Oeste, onde trabalhadores realizam a fresagem das vias, retirando o asfalto antigo e desgastado, recuperando o solo e as bases para receberem a aplicação do novo asfalto, utilizando máquinas pesadas, como vibroacabadoras, retroescavadeiras, rolos compressores, pneus e rolos de chapa, e caminhões recapeando as vias por completo, em toda sua extensão. 

Para o secretário de Obras, Renato Júnior, a implantação de um novo pavimento não é um processo simples, são várias etapas envolvidas, desde a remoção, substituição de uma estrutura de pavimento, tratamentos de solo, até a aplicação de uma nova massa asfáltica, sendo todas as etapas importantes para um serviço de qualidade e com uma durabilidade muito maior. 

“O recapeamento das vias de Manaus segue o mesmo padrão de qualidade em toda a cidade, independentemente da localização. Ruas principais, transversais, todas recebem o mesmo serviço, de tratamento de recuperação profunda, fresa e aplicação da massa asfáltica. Temos todo controle de espessura do asfalto que, ao final do processo de recapeamento, deverá alcançar sete centímetros, garantindo qualidade e durabilidade das vias. É um recapeamento com uma espessura que vai aguentar o peso do que passar por aqui: carro, ônibus e caminhão, por muito mais tempo”, explicou Renato Júnior. 

Só nas obras da zona Centro-Oeste são utilizadas, diariamente, quase  700 toneladas de CBUQ (Concreto Betuminoso Usinado a Quente), popularmente conhecida como massa asfáltica, para a revitalização das vias. 

Além do recapeamento das vias, esse programa revolucionário da prefeitura promove fluidez no trânsito, segurança aos motoristas e pedestres e, principalmente, qualidade de vida ao cidadão manauara. 

Os investimentos em obras do programa “Asfalta Manaus” são reconhecidos pela população. “Há mais de 15 anos a gente não via um trabalho digno nas ruas do nosso bairro, era só aquela ‘maquiagem’ que, em menos de um mês, já virava uma ‘tábua de pirulito’ novamente. Mas, graças à atual administração da prefeitura, nós, moradores, estamos sendo lembrados e beneficiados com esse serviço de qualidade”, comemorou o morador do bairro Compensa, José Litaiff.

 

Nenhum comentário