Últimas do Mix

Justiça manda soltar suspeito de ser o mandante nos homicídios de indigenista e jornalista no AM

Foto: reprodução/BBC

A Justiça Federal do Amazonas autorizou a soltura de Rubens Villar Coelho, conhecido como Colômbia, suspeito de envolvimento nas mortes do indigenista Bruno Pereira e do jornalista britânico Dom Phillips em junho deste ano. A autorização foi dada na última quinta-feira, 6, no processo relativo a prisão por uso de documento falso em julho.

O suspeito teve que pagar fiança de R$ 15 mil e deve usar de tornozeleira eletrônica, com a proibição de deixar em Manaus. Ele é investigado pela Polícia Federal por supostamente comandar um esquema no Vale do Javari, na tríplice fronteira entre Brasil, Colômbia e Peru.

Seguem presos ainda Amarildo Costa de Oliveira, conhecido como “Pelado", réu confesso do crime. Além de Amarildo, outros dois suspeitos do crime estão presos em Manaus: Jeferson da Silva Lima, conhecido como "Pelado da Dinha", e Oseney da Costa de Oliveira, o "Dos Santos", irmão de Amarildo.

Nenhum comentário