Últimas do Mix

Homem que agrediu companheira com barra de ferro é condenado a seis anos de prisão em Manaus

Foto: divulgação

Rozinaldo Neves Gomes foi condenado a seis anos e seis meses de reclusão, inicialmente em regime semiaberto, por tentativa de feminicídio contra Nara Patrícia Lopes.O crime aconteceu em 2019 quando o acusado agrediu brutalmente a mulher com uma barra de ferro e em outros episódios já havia tentado colocar fogo na vítima.

A defesa do réu, buscou a desclassificação do crime de homicídio tentado para o de lesão corporal, alegando a incidência da desistência voluntária. 

Durante os debates, no Plenário do Tribunal do Júri, no Fórum Ministro Henoch Reis, em Manaus, o Ministério Público sustentou a tese da prática de homicídio tentado com a qualificadora de feminicídio. Mas após os debates em Plenário, os jurados acolheram integralmente a denúncia do Ministério Público para condenar o réu.

“Torno definitiva pena de 6 (seis) anos e 6 (seis) meses de reclusão que deverá ser cumprida inicialmente em regime semiaberto de conformidade, já que as circunstâncias judiciais não autorizam o cumprimento em regime mais severo”, registra trecho da sentença proferida pelo juiz Mauro Antony.

Conforme os autos, o crime aconteceu em 2019, no bairro Santa Etelvina, zona Norte de Manaus, e a vítima, à época, estava sob medida protetiva. Segundo o laudo policial, Rozinaldo possui longo histórico de violência contra a vítima e, após uma discussão, além de ser ofendida com palavras de baixo calão, Nara foi agredida com vários golpes de pernamanca, inclusive na cabeça. A vítima conseguiu fugir em um momento de distração do agressor e pedir ajuda a vizinhos que a encaminharam em estado grave para o Hospital Platão Araújo, onde ficou internada.

Além da sentença dos seis anos, o réu deverá pagar a titulo de reparação aos danos causados à vítima, o valor de cinco salários mínimos, em cumprimento ao artigo de Processo Penal.

Da sentença, cabe apelação.

Nenhum comentário