Últimas do Mix

Cigarros eletrônicos com nicotina causam coagulação do sangue; diz pesquisa


                                                        Foto:ilusttrativa

Uma pesquisa anunciada no Congresso Internacional da Sociedade Respiratória Europeia aponta que o uso de cigarros eletrônicos que contém nicotina causa um amento imediato na formação de coágulos no sangue e deterioração na capacidade de pequenos vasos sanguíneos de se expandir e dilatar.

Além disso, os pesquisadores afirmam que o dispositivo também influencia no aumento da pressão arterial e aumento da frequência cardíaca. Os efeitos são parecidos com o uso de cigarros tradicionais e, em longo prazo, pode resultar em ataque cardíaco ou derrame.

“Nossos resultados sugerem que o uso de cigarros eletrônicos que contêm nicotina tem impactos semelhantes no corpo do que fumar cigarros tradicionais. Esse efeito sobre os coágulos sanguíneos é importante porque sabemos que, a longo prazo, isso pode levar ao entupimento e vasos sanguíneos mais estreitos, e isso, é claro, coloca as pessoas em risco de ataques cardíacos e derrames”, afirmou o autor do estudo, Gustaf Lyytinen.

O estudo realizou uma série de testes com um grupo de 22 homens e mulheres com idades entre 18 e 45 anos. Todos foram testados antes e depois de darem 30 tragadas em cigarros eletrônicos com e sem nicotina. No caso dos cigarros eletrônicos com nicotina, os pesquisadores puderam notar que houve um aumento imediato de até 23% mais coágulos no sangue após 15 minutos, no entanto, após 60 minutos, o nível voltou ao normal.

Os vasos sanguíneos também se tornaram mais estreitos temporariamente após o uso do dispositivo com nicotina. Após o uso do cigarro eletrônico sem nicotina, os mesmos efeitos não foram encontrados.

“Os danos causados ​​por fumar cigarros tradicionais, incluindo os efeitos da nicotina no corpo, são bem conhecidos. Os cigarros eletrônicos são relativamente novos, então sabemos muito menos sobre o que eles fazem ao corpo”, disse Jonathan Grigg, presidente do Comitê de Controle do Tabaco da Sociedade Respiratória Europeia.



Nenhum comentário