Últimas do Mix

Omar Aziz gera polêmica ao chamar ministro da Saúde de "marginalzinho"

Foto: Pedro Ladeira/Folhapress
O senador e presidente da CPI da Covid, Omar Aziz (PSD-AM), está sendo duramente criticado nas redes sociais após se referir ao ministro da Saúde, Marcelo Queiroga como 'marginalzinho' durante uma entrevista ao programa 'Oito em Ponto', apresentado pelo advogado criminalista Sergei Cobra Arbex na Rádio Cultura FM.

Omar fez a declaração tendo por base o comportamento de Marcelo Queiroga, ao mostrar o dedo do meio a ativistas que protestavam contra o governo em Nova York.

"O Queiroga, que é medico, ele dá cotoco lá nos Estados Unidos para as pessoas, mostra o dedo do meio. Veja bem, olha o ministro da Saúde! Você espera isso de um marginalzinho, de uma pessoa sem qualificação nenhuma, mas de um ministro de Estado? Qual a diferença entre eles dois? Nenhuma", afirmou Aziz ao programa.

Na semana passada, enquanto a comitiva presidencial estava em Nova York para a Assembleia-Geral da ONU, cerca de dez pessoas gritavam palavras de ordem contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), como genocida e assassino, em frente à residência da missão brasileira junto à ONU, no Upper East Side.

O ministro Marcelo Queiroga, de dentro de uma van, chegou a se levantar do assento e mostrar o dedo do meio para os manifestantes, que responderam com gritos e fazendo o mesmo gesto.

Repercussão nas redes sociais 

Após a declaração do senador ser pulicada em vários veículos da imprensa, apoiadores do governo Bolsonaro e  das ações tomadas pelo atual ministro da saúde, saíram em defesa dos representantes e criticaram Aziz. Veja alguns dos comentários:


Em resposta a
Como que um meliante tem a audácia de chamar o Ministro de marginalzinho?



Marginalzão acusa marginalzinho.
Comentar o Tweet
Gazeta Brasil
@SigaGazetaBR
·
Omar Aziz chama Queiroga de “marginalzinho” gazetabrasil.com.br/politica/2021/



Um senador, , chamar um ministro de Estado de "marginalzinho" é uma demonstração do nível desse senador. Tantos processos, que até a esposa já esteve presa. Marginalzinho!!

Nenhum comentário