Últimas do Mix

Trocas de mensagens entre dona dos Supermercados Vitória e sargento Lucas revelam ameaças e violência doméstica

Foto: Reprodução/Colagem Mix de Notícias
Mensagens encontradas no celular do sargento Lucas Ramon Silva Guimarães, de 29 anos, executado por um atirador no dia 1º de setembro desse ano, revelam traição, ameaças e violência doméstica.

Lucas teria supostamente um relacionamento extraconjugal com Jordana Azevedo Freire, esposa de Joabson Agostinho Gomes, dono da rede de supermercados Vitória, que é o principal suspeito de encomendar sua morte.

Investigações da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), apontam que Lucas estava sendo ameaçado e que Jordana seria vítima de violência doméstica.

O relacionamento extraconjugal foi descoberto por Joabson em julho de 2021. Na ocasião, Lucas enviou uma mensagem para Jordana e o empresário teve acesso à mensagem e ao teor das conversas que eles estavam tendo.

Jordana contou para Lucas que estava sendo agredida pelo marido com chutes durante uma noite e que amanheceu com os olhos inchados devido a uma pancada na cabeça.

Veja algumas das mensagens trocadas por Lucas e Jordana:

"Ele ficou me chutando à noite com o pé. Meus olhos amanheceram inchados da porrada na cabeça", mostram as mensagens enviadas por Jordana.

"Tô com medo. Tô andando armado com medo", disse Lucas em outra mensagem. A Polícia afirma que o sargento passou a contratar segurança privada e compartilhava localizações em tempo real com amigos próximos.

Em outra mensagem, Lucas também fala sobre devolver uma certa quantia em dinheiro para Jordana. "Vou devolver tudo que tenho aqui até pra você não se sentir desamparada".

De acordo com as investigações, o sargento devolveu R$ 200 mil que foi entregue a um funcionário do supermercado no Batalhão do Exército onde o soldado trabalhava.

As investigações sobre o caso continuam em segredo de Justiça na DEHS.

Entenda o caso: Sexo, dinheiro e traição: dono de rede de supermercados é acusado de mandar matar sargento em Manaus

Nenhum comentário