Últimas do Mix

Grupo que vendia carne de cavalo misturada com de gado é investigado

Divulgação/MPRS

O Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS) desarticulou, nesta quinta-feira (18/11), um esquema de venda clandestina de carne de cavalo se passando por carne de gado para hamburguerias da região. Foram cumpridos seis mandados de prisão preventiva e 15 de busca e apreensão em Caxias do Sul, após dois meses de investigação.

Segundo o MPRS, o grupo vendia cerca de 800kg de carne por semana proveniente do abate clandestino de cavalos. Também foram encontrado DNA de perus e suínos na mistura, como mostrou uma perícia em duas hamburguerias da cidade.

O grupo não tinha autorização para as atividades de abate, beneficiamento, armazenamento ou comercialização de animais. Assim, não havia qualquer fiscalização do processo.


Metrópoles*

Nenhum comentário