Últimas do Mix

Casa de Ratinho é assaltada em SP: 'Ameaçaram funcionários com armas'

Foto: Reprodução

Um assalto aconteceu em uma casa do apresentador Ratinho, do SBT, utilizada como estúdio e escritório na zona oeste de São Paulo. Ele comentou sobre o assunto em conversa com José Luiz Datena no "Brasil Urgente".

Amarraram as pessoas, trancaram e levaram celulares. Tentaram descobrir se existia um cofre na residência. Não fizeram maldade, mas colocaram armas na cabeça dos funcionários. Isso assusta muito.

Ratinho afirmou que não estava no espaço quando o assalto ocorreu. "Todos choraram porque foram amarrados e ameaçados. Ficaram chocados. As pessoas que trabalham na casa estão há mais de 15 anos".

Durante a entrevista ao "Brasil Urgente", o apresentador de 65 anos conta que objetos dos 7 funcionários presentes foram levados, além de valores transferidos aos invasores via Pix.

O espaço foi invadido após a gravação de um programa de rádio gravado em um estúdio montado no local. O apresentador costuma produzir conteúdos na mesma casa.

"Eu ando de carro blindado e tento de tudo. Eles só entraram porque abriram o portão principal, tinham o controle", afirmou sobre a invasão.

Na sequência, o apresentador disse que conta com armas em casa. "Não hesitaria em usar. Vou defender meus filhos e meus amigos, não quero nem saber. Eu não estava lá e nem o segurança, caso contrário daria problema".

"Vou colocar mais seguranças armados na minha casa. É o que dá para fazer. O dinheiro nós vamos repor. O importante é que não machucaram as pessoas", concluiu o apresentador.

Investigação

O boletim de ocorrência foi registrado no 91º distrito policial, localizado na Vila Leopoldina, também na zona oeste da capital paulista. O delegado Eduardo Brotero comentou sobre a investigação ao vivo com Datena.

"A casa conta com câmeras. Vamos pegar as imagens e, com a ajuda da perícia, vamos identificar os autores deste crime covarde", disse o investigador.

Também ao programa da Band, o tenente Maxwell, da polícia militar de São Paulo, informou que o assalto foi realizado por cinco pessoas ainda não identificadas.

Polêmica com deputada federal

Recentemente, Ratinho se envolveu em uma polêmica após uma declaração forte sobre a deputada federal Natália Bonavides (PT-RN).

Ele sugeriu que ela fosse "eliminada com o uso de uma metralhadora" por conta de um projeto, de autoria dela, que pretende retirar a expressão "marido e mulher" da união civil.

Fonte: UOL

Nenhum comentário