Últimas do Mix

Lojas de fogos de artifícios são interditadas em Manaus

 

Divulgação

Coordenada pela Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), agentes da Central Integrada de Fiscalização (CIF) deflagraram, na quinta-feira (30/12), uma ação com foco no setor comercial. Estabelecimentos com vendas de fogos de artifício e o comércio irregular de materiais e sucatas metálicas foram alvo da CIF em Manaus. Dois estabelecimentos de vendas de fogos de artifício foram interditados e cinco locais do outro segmento foram autuados e notificados.

Seguindo determinação do secretário de Segurança Pública, general Mansur, a CIF está com atuação reforçada na capital. De acordo com o capitão Renan Libório, a primeira fiscalização ocorreu das 8h ao meio-dia em várias zonas da capital, com foco em estabelecimentos que vendem fogos de artifício em Manaus, devido às festas de fim de ano.

Ao todo, quatro estabelecimentos foram vistoriados e dois foram interditados. Conforme o capitão, os locais não possuíam alvará de funcionamento, e um deles não tinha Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ), funcionando clandestinamente.

Pela manhã, participaram da CIF, servidores da Polícia Militar do Amazonas (PMAM), Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM), Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), Programa Estadual de Proteção e Orientação do Consumidor (Procon-AM), Instituto de Pesos e Medidas (Ipem-AM), Secretaria Municipal de Finanças e Tecnologia da Informação (Semef), Fundação de Vigilância em Saúde Dra. Roseta Costa Pinto (FVS-AM) e Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU).

Comércio irregular de sucatas – A partir das 13h, a CIF teve como foco o comércio irregular de materiais e sucatas metálicas. Sete locais foram visitados na zona oeste de Manaus e cinco foram autuados e notificados.

Na avenida Brasil, a Sucata do Ney, localizada na Compensa, foi autuada pelo CBMAM por não apresentar licença, assim como o Aki Sucatas, a Sucata Santos e a Sucata Cleuton, que foram autuados pelo mesmo motivo. A JV Sucata, na mesma avenida, foi notificada e encerrou as atividades.

A população pode colaborar com qualquer tipo de denúncia diretamente para o 190.

Nenhum comentário