Últimas do Mix

Abril Azul: ECP e Diretoria de Saúde do TCE-AM realizaram roda de conversa sobre autismo

Foto: Divulgação

Em alusão ao mês de conscientização do autismo, a Escola de Contas Públicas do Tribunal de Contas do Amazonas (ECP/TCE-AM) em parceria com a Diretoria de Saúde (Disau) da Corte de Contas, promoveu, nesta sexta-feira (8), uma roda de conversas para dar visibilidade ao Transtorno do Espectro Autista (TEA).

A atividade contou com profissionais de diversas especialidades na área, que debateram o tema com os participantes. Participaram da roda de conversas a psiquiatra Loren Cavalcante, neuropediatra Francisco Tussolini, a neurologista infantil Debora Brandão, terapeuta ocupacional Michelly Acassio, a neuropsicopedagoga Jéssica Marinho e o educador físico Marcos Oliveira.

“Estamos abrindo os espaços da Corte de Contas para discutir, não só questões referentes às contas públicas, mas também assuntos relevantes para a sociedade para que possamos promover o diálogo e discutir possíveis soluções, encaminhamentos, orientações. É uma das maneiras que temos de contribuir positivamente para uma sociedade melhor”, afirmou o presidente do TCE-AM, conselheiro Érico Desterro.

O coordenador da ECP, conselheiro Mario de Mello, adiantou que a programação referente à saúde pública será um dos nortes da Escola de Contas neste ano.

“Em conjunto com demais Diretorias do TCE, como a Diretoria de Saúde, pretendemos promover rodadas de conversa e discussões sobre temas relevantes para a sociedade. Com relação à saúde pública, há muito o que ser abordado para garantir orientações, medidas preventivas e nortear gestores e a Administração Pública”, disse o coordenador da ECP, conselheiro Mario de Mello.
O evento iniciou com palestras sobre o assunto a partir de variadas perspectivas através de seis convidados de multiespecialidades. Eles explicaram quais as abordagens de cada área e os cuidados oferecidos por cada um deles.

“A Diretoria de Saúde juntamente com a ECP resolveu realizar um evento educativo em alusão ao Abril Azul para trazer um tema de suma importância para a sociedade. Com a pandemia, nós vimos o aumento da preocupação dos pais em relação ao diagnóstico de crianças relacionado ao TEA e respeitando o calendário da OMS, decidimos agregar pedagogicamente aos conhecimentos dos servidores e público externo”, afirmou a diretora de saúde do TCE-AM, Camila Bandeira David.

Para a diretora da Escola de Contas do TCE-AM, Solange Ribeiro, a realização de uma ação como essa complementam os aspectos de cidadania de todos os participantes do evento.

“A relevância de estarmos em parceria com a Disau para realizarmos esse evento é que a ECP, como braço pedagógico da Corte de Contas, está estendendo assuas atividades para além de suas temáticas finalísticas a outros conteúdos relevantes que vão ajudar os servidores e a todos que estão participando a exercer sua cidadania de maneira sábia”, disse a diretora da Escola de Contas do TCE-AM, Solange Ribeiro.

A roda de conversa que encerrou o evento tratou sobre a prática de esporte, educação, diagnóstico e tratamentos adequados para pessoas no espectro autista, além de entrega de certificados e brindes aos palestrantes

Nenhum comentário