Últimas do Mix

Boneca “assombrada” é flagrada se mexendo sozinha e assusta donos: “Como se fosse humana”; assista

Foto: Reprodução

Um casal britânico, de South Yorkshire, postou um vídeo nas redes sociais que deixou muitos internautas com arrepios. Na filmagem, captada por uma câmera de segurança, uma boneca parece se mexer sozinha, como se estivesse viva ou se alguma criança “fantasma” estivesse brincando com ela.

Lee, 36, e Linzi Steer, 52, não têm filhos, mas colecionam itens “mal assombrados” e são donos de um museu focado no tema. Segundo revelaram, em entrevista ao The Mirror, a boneca de estilo vitoriano foi doada a eles sem nenhum tipo de bilhete com a explicação sobre sua origem. O casal disse que os dois recebem vários objetos das pessoas, mas essa veio de uma forma diferente. “Esta, em particular, não chegou como uma peça com histórico de mal assombrada. As pessoas enviaram a boneca, mas não contaram o que aconteceu com ela. Normalmente, eles nos deixam bilhetes, mas com essa boneca não veio nada. É um mistério”, disse Linzi.

Ela contou que quando entrou no quarto com Lee, ambos notaram que a boneca estava inclinada para frente. Como ninguém tinha estado ali, a não ser eles, os dois tiveram a ideia de verificar as imagens do circuito de segurança. Então, mesmo acostumados a lidar com esse tipo de assunto, ficaram chocados. “A boneca se move para frente em três estágios, então, sua cabeça se move. Ela vira a cabeça — é como se as articulações estivessem se movendo fisicamente, como um ser humano. Estava apoiada. Se fosse uma queda natural, a boneca teria caído no chão, mas isso não aconteceu. A forma como ela ficou posicionada desafia a gravidade”, relatou. "Aquela boneca é realmente pesada. É a primeira vez que pegamos algo se movendo na câmera no museu. Isso me deixa perplexa. Na verdade, sou cética, mas não consigo explicar”, afirmou.

Linzi também contou que o local em que os itens mal assombrados ficam — e que funciona como um museu —, antes era um terreno com três casas. Agora, além do museu, tem um café e uma lojinha. “Sabemos que aconteceram muitas coisas aqui antigamente. Pelo histórico, soubemos que duas crianças que viveram ali eram gravemente negligenciadas. Há documentos que mostram que outra criança morreu queimada”, declarou.

O casal abre seu museu para festas particulares e investigadores paranormais. Segundo o site de Linzi e Lee, chamado “Project Reveal Ghosts of Britain”, eles têm 'cinco dos 10 itens mais assombrados que já existiram' em exibição.

Assista:

Fonte: Crescer

Nenhum comentário