Últimas do Mix

Escola de Contas do TCE-AM realiza painel internacional com temáticas ambientais

Foto: Divulgação

Com enfoque em discussões sobre desenvolvimento e meio ambiente, a Escola de Contas Públicas do Tribunal de Contas do Amazonas (ECP/TCE-AM) realiza, no próximo dia 30 de maio, um painel internacional de discussões. O evento terá a presença de renomadas personalidades do direito.

O público-alvo do painel internacional são servidores públicos, gestores, acadêmicos, professores e a sociedade civil. O evento dará direito a horas complementares aos participantes inscritos.  

“Vamos discutir não apenas o desenvolvimento sustentável, mas a importância do bioma amazônico para o mundo em um contexto ambiental, econômico e social cumprindo o papel pedagógico da Corte de Contas ao fomentar iniciativas que busquem melhorias à sociedade”, afirmou o presidente do TCE-AM, conselheiro Érico Desterro.

O evento acontece das 10h às 12h. As inscrições serão disponibilizadas pela Escola de Contas Públicas, pelo site https://ecpvirtual.plataformaensineonline.com/ e será presencial, mas também transmitido  pelas redes sociais do TCE-AM.

Para o coordenador da ECP, conselheiro Mario de Mello, o TCE volta a ser palco de grandes discussões ambientais ao trazer personalidades renomadas internacionalmente para discutir a Amazônia.

“Em um cenário no qual questionam tanto a importância da Amazônia, traremos dois especialistas para, tecnicamente, mostrar o motivo pelo qual devemos defender o bioma amazônico”, apontou o coordenador da ECP, conselheiro Mario de Mello.

A principal temática abordada será o “Direito ao Desenvolvimento Sustentável e a Importância da Amazônia no Mundo Globalizado”. O professor doutor da Universidade de Valladolid, da Espanha, Javier García Medina será o palestrante responsável.

Javier Medina é decano e professor de Filosofia de Direito, Teoria do Direito e Direitos Humanos na Universidade de Valladolid. Ele também ocupa o cargo de diretor no Observatório de Direitos Humanos e da Clínica Jurídica. Também na Espanha, Javier é presidente do Comitê de Ética dos Serviços Sociais da Junta de Castilla y León.

O professor e doutor Lauro Ishikawa mediará as discussões, apresentando questões ao palestrante e abrindo o diálogo com os participantes. Lauro é coordenador-geral dos cursos da escola de direito da Alfa Educação, além de professor de mestrado e doutorado em Direito na Faculdade Autônoma de Direito (Fadisp).

Nenhum comentário