Últimas do Mix

Homem atira no próprio rosto depois de matar filho acidentalmente

 

Getty images

Um homem, de 41 anos, baleou e matou na sexta-feira (27) o próprio filho, 11, acidentalmente. Na sequência, ele disparou contra o rosto na tentativa de se suicidar, mas não morreu. O caso ocorreu em Formosa, Goiás. As informações são do Yahoo.

A Polícia Militar foi acionada depois do primeiro disparo. Quando chegaram à residência, ouviram o segundo tiro.

Ao entrarem, os militares encontraram o pai ferido e o menino morto. O homem escreveu uma carta na qual explicou o que aconteceu e informou que se mataria.

“Foi acidente. Matei meu filho. Deixa eu morrer. Matei meu filho por acidente. Peço perdão.”

Para o G1, o delegado Danilo Meneses explicou que “o pai, a princípio, não corre risco de morte. Mas os policiais encontraram uma cena muito triste: o pai com um tiro no rosto segurando o filho no colo. Ele estava desesperado e correu pela casa com o menino”.

O homem continua hospitalizado e o seu estado de saúde não foi informado.

Segundo a polícia, ele é atirador esportivo e tem quatro armas registradas no seu nome. Por causa de uma dificuldade financeira, ele decidiu vender uma espingarda calibre 12.

“Ele ia tirar uma foto da arma que estava vendendo, que é legalizada, e o filho estava por perto. Possivelmente, ele acionou o gatilho sem perceber”, disse o delegado Danilo.

A polícia investiga o caso como disparo acidental.


Fonte: Istoé

Nenhum comentário