Últimas do Mix

‘Dia D’ da Campanha de Vacinação contra Poliomielite e de Multivacinação será no sábado, 20/8

 

Divulgação

O “Dia D” da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e de Multivacinação será realizado no próximo sábado, 20/8. Para a mobilização que, na capital, acontece junto com o “Sabadão da Saúde”, a Prefeitura de Manaus abrirá 106 unidades básicas da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), com atendimento ao público das 8h às 16h.

A vacinação contra a poliomielite (também chamada de pólio ou paralisia infantil) tem como foco as 141 mil crianças menores de cinco anos residentes em Manaus, que devem atualizar seu esquema vacinal ou receber a dose de reforço contra a doença. A meta é alcançar 95% desse público. Já a multivacinação é voltada para a população geral de até 14 anos, estimada em 648 mil crianças e adolescentes, que poderão completar as doses da caderneta de vacinação, caso estejam em atraso.

A campanha, realizada entre os dias 8/8 e 9/9, é uma estratégia do Ministério da Saúde para elevar o número de crianças protegidas contra doenças imunopreveníveis.

“Todas as unidades abertas pela prefeitura no próximo sábado irão oferecer as 18 vacinas do calendário básico infantil”, informa o secretário municipal de Saúde, Djalma Coelho, fazendo um apelo para que as famílias levem suas crianças aos postos de vacinação. “Estamos em um cenário de risco para a reintrodução de doenças que haviam sido eliminadas ou erradicadas e que estão voltando em razão da baixa cobertura vacinal”, alerta.

O secretário destaca os registros recentes de poliomielite em países que já estavam livres da doença e o aumento de casos de sarampo, e chama a atenção para a necessidade de que todos estejam engajados nas campanhas, garantindo que o Brasil volte a ser referência mundial em imunização.

“Não vamos esperar que surja um caso de poliomielite em nossa cidade, para correr às unidades de saúde em busca da vacina, que está disponível todos os dias, o ano inteiro, em mais de 170 salas de vacina da rede pública”.

Cobertura

Dados de cobertura vacinal em crianças menores de 1 ano em Manaus, relativos ao primeiro quadrimestre deste ano, mostram que, das oito vacinas prioritárias, apenas a BCG, que previne as formas graves de tuberculose (miliar e meníngea) e deve alcançar ao menos 90% das crianças, está dentro da cobertura esperada (95,3%). As demais, que têm a meta de 95%, à exceção da vacina contra o rotavírus, que também tem meta de 90%, estão com baixa cobertura.

As informações, geradas pelo Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações (SIPNI), apontam 80% de cobertura da Pneumocócica; 77,6% da Tríplice Viral; 72,6% da vacina contra o rotavírus; 69% da Pentavalente; 72% da Meningocócica; 68% da vacina contra a poliomielite; e apenas 59% da que protege contra a febre amarela.

“É preciso superar fake news propagadas contra as vacinas e evitar que nossas crianças estejam expostas a doenças que podem ser evitadas com imunobiológicos seguros e que há décadas vem sendo utilizados pelos programas de imunização”, salienta Djalma Coelho.

Orientações

A gerente de Imunização da Semsa, Isabel Hernandes, orienta que pais ou responsáveis apresentem documento de identificação, cartão do Sistema Único de Saúde (SUS) ou CPF e o cartão de vacina para que as crianças sejam vacinadas. Ela também observa que não é mais necessário o intervalo de 15 dias entre as vacinas do calendário básico e a vacina contra a Covid-19.

Isabel salienta que, além das 106 unidades que estarão abertas no próximo sábado, as 171 salas de vacina das unidades da rede municipal estão abertas durante ao longo da semana. Os endereços e horários de funcionamento dessas salas podem ser conferidos no site da Semsa, por meio do link http://bit.ly/salasdevacinamanaus.

Os endereços das 106 unidades que funcionarão no “Dia D”, juntamente com o “Sabadão da Saúde”, poderão ser consultados, também no site da secretaria: semsa.manaus.am.gov.br, a partir de quinta-feira, 17/8. As unidades vão atender das 8h às 16h e, além das vacinas para crianças e adolescentes, vão oferecer, dentro do “Sabadão”, exames e consultas para pessoas com suspeita ou confirmação de hipertensão ou diabetes; consultas e exames de pré-natal para gestantes a partir do primeiro mês de gestação; e coleta para o exame preventivo do câncer do colo do útero.


Nenhum comentário