Últimas do Mix

Homem demitido após se atrasar por salvar vítima de acidente vive de 'bicos' há mais de um ano e busca emprego fixo


Foto: Divulgação
O ex-entregador Robsom Santos, de 36 anos, vive de "bicos" em Bertioga, no litoral de São Paulo, desde que foi demitido do trabalho após se atrasar por salvar uma vítima que capotou o carro na estrada. O acidente aconteceu em 8 de janeiro de 2021.

Robsom é pai solteiro de dois filhos, de 3 e 15 anos, e dedica parte de seu tempo ao projeto social Estrela do Amanhã, que fundou em 2016. Ele revelou ao g1 que busca um emprego fixo para garantir melhores condições aos filhos e às crianças beneficiadas do projeto.

"Divisor de águas"

O acidente que se tornou um "divisor de águas" na vida de Robsom aconteceu na Rodovia Rio-Santos, em Bertioga. Segundo ele, o motorista perdeu o controle do carro e capotou, caindo em uma vala numa área de mata. "Eu vi tudo. Capotou umas cinco, seis vezes, só na pista", lembrou.

O morador diz ter ficado mais preocupado com quem estava dentro do carro do que com qualquer outra coisa e, por isso, decidiu descer até onde o veículo estava, já que o viu parcialmente submerso pela água da vala.

Ele conseguiu retirar o motorista do carro com ajuda de outros homens. Após resgatar a vítima, Robsom foi para o trabalho, mas acabou dispensado pela empresa por ter chegado depois do horário. Desde então, ele se sustenta com "bicos", que são trabalhos informais.

Recomeços

Robsom diz ter perdido o emprego, mas não a esperança. Em 2016, ele iniciou um projeto social em Bertioga para dar aulas de futebol para crianças. Apesar das turbulências, ele afirma ter mantido as aulas e busca conseguir ajudar cada vez mais alunos.

"Faço pra minha comunidade. Hoje em dia já tem muitos que trabalham e estão em faculdades. O campo é humilde e pequeno, mas é o único que temos".

Ele conta que para participar das aulas, no Jardim Vicente de Carvalho, basta os pequenos estudem, apresentem boas notas e sejam responsáveis, sem faltar às aulas e criar problemas aos pais. "Continuo com meu sonho de conhecer o Luciano Huck e ter alguma oportunidade de emprego fixo".

Fonte: G1

Nenhum comentário