Últimas do Mix

Em desabafo, Meghan Markle diz ter sido rotulada de louca e histérica

 

Reprodução/Instagram/sussexroyal

Idealizadora do podcast Archetypes, Meghan Markle lançou mais um episódio do programa nesta terça-feira (11/10). A produção integra o catálogo do Spotify. No novo conteúdo, a duquesa de Sussex conversou com as atrizes Constance Wu, Deepika Padukone e Jenny Slate. Durante o bate-papo, a esposa do príncipe Harry fez o seguinte questionamento: “Levante a mão se você já foi chamada de louca ou histérica, ou que tal maluca, insana e completamente irracional?”.

Intitulado de The Decoding of Crazy (A Decodificação do Louco, em tradução livre), o quinto episódio de Archetypes durou 55 minutos. Meghan confidenciou ver o adjetivo “louca” sob uma ótica diferente: “Eu me sinto muito bem com a palavra ‘louca’, e a maneira como ela é usada tão casualmente”. Entretanto, a duquesa de Sussex analisou alguns cenários que a expressão tem o poder de “despedaçar”.

“A maneira como isso é jogado tão casualmente e os danos que causa na sociedade e nas mulheres, francamente em todos os lugares. De relacionamento a famílias sendo destruídas, reputações acabadas e carreiras arruinadas”, salientou Meghan. Na avaliação da ex-estrela da série Suits, o rótulo de mulheres serem malucas continua sendo perpetuado em filmes e programas televisivos. No episódio, citaram as séries Scrubs e How I Met Your Mother.

Segundo Meghan, o “estigma em torno da palavra” tem um efeito silenciador, em especial a quem enfrenta problemas reais de saúde mental. “Eles ficam com medo, quietos, internalizam e reprimem por muito tempo”, argumentou. Ao longo do programa, ela não nomeou quem a rotulou como louca e histérica.

Em uma entrevista concedida a Oprah Winfrey no ano passado, a mãe de Archie e Lilibet Diana confessou ter sofrido com pensamentos suicidas à época em que fazia parte do núcleo sênior da realeza britânica.



Fonte: Metrópoles

Nenhum comentário