Últimas do Mix

Artista indígena e amazonense ganha destaque ao grafitar muro de mais de 30 metros em São Paulo

Foto: Divulgação
A grafiteira Auá Mendes, que é indígena e amazonense, está ganhando destaque nacional com sua nova obra, o grafite 'Ãgawara-itá Mukatúru: As encantadas protegem', que ocupa mais de 30 metros de um prédio localizado na avenida Bixiga, no centro de São Paulo.

A nova produção busca fortalecer a própria existência da artista, assim como de seu povo, seus ancestrais vivos e aqueles que encantaram.

Foto: Divulgação
"Sem saber ainda lidar com esse sonho ancestral. Viver esse momento me faz acreditar na construção de futuros-presentes possíveis, e me faz enxergar o quão gigantes podemos ser e somos, mas isso só foi possível por nunca desistir e ter o apoio de quem eu amo e me ama perto, construindo e acreditando comigo", declarou Auá Mendes nas redes sociais.

Foto: Divulgação
Embelezando ainda mais a 'cidade que não dorme', a empena contou com a produção de Vera Nunes e sua equipe de assistentes de produção, assistentes técnicos, infraestrutura, assistentes de pintura, com o artista Tioch, Mágico e Villa.

O projeto é uma realização da Secretaria de Cultura da Cidade de São Paulo com recursos financeiros do MAR – Museu de Arte de Rua, com produção da Gentilização.

Nenhum comentário