Últimas do Mix

Suspeito de matar sargento a mando de empresários tem prisão preventiva decretada

Foto: divulgação

Silas Ferreira de Silva, de 26 anos, teve a prisão a prisão preventiva decretada pelo assassinato do sargento do exército Lucas Ramon, no dia 1º de setembro deste ano. A decisão foi tomada na última segunda-feira (13).

O suspeito foi preso no dia 22 de novembro, no bairro Colônia Antônio Aleixo, Zona Leste de Manaus. Na época, os pais de Lucas Guimarães haviam anunciado uma recompensa de R$ 40 mil para quem apontasse o paradeiro de Silas.

De acordo com informações da Polícia Civil, em depoimento, o homem confessou a autoria do crime e estava em prisão temporária por conta das investigações. Após o interrogatório, ele passou por audiência de custódia, quando teve a prisão preventiva decretada.

As investigações seguem em andamento e em segredo de Justiça.

Nenhum comentário