Últimas do Mix

Moro sobre candidatura à Presidência: "Vou até o fim. Alguém precisa falar a verdade"

(crédito: Sergio Lima/AFP)

 O ex-juiz e pré-candidato à Presidência da República, Sergio Moro, afirmou que seguirá firme na campanha eleitoral deste ano pelo Podemos. 

“Vou até o fim. Alguém precisa falar a verdade em 2022”, disse Moro durante evento com empresários nesta sexta-feira (18/01), em São Paulo. O evento também contou com a presença dos pré-candidatos Simone Tebet (MDB-MS) e Felipe d'Avila (Novo).

O ex-juiz garantiu que não trocará o Podemos pelo União Brasil, e mostrou-se incomodado com "notícias falsas" a respeito dele. Moro ainda justificou a viabilidade de construção da chamada “terceira via” nas eleições de 2022 — um candidato que ultrapasse a polarização entre Lula (PT) e o presidente Jair Bolsonaro (PL), que lideram as preferências de votos, segundo pesquisas.

"Eu vejo uma ampla avenida. Estamos a meses das eleições para construir uma alternativa. O que a gente tem que fazer é falar a verdade do que aconteceu, do que está acontecendo no país e do que nós queremos fazer para o futuro", disse.

Além disso, Sergio Moro ainda admitiu a possibilidade de aglutinação, junto com a Simone Tebet e Felipe d'Avila.

“Eu concordo que precisamos, sim, ter uma aglutinação dessa terceira via. Isso, na minha opinião, quanto mais cedo, melhor. Porque esses adversários, além de tudo, jogam com a mentira e com a destruição dos seus oponentes", acrescentou.

O encontro em SP foi promovido pelo Grupo de Líderes Empresariais (Lide), onde empresários questionaram os pré-candidatos sobre temas relacionados ao futuro do Brasil.



Fonte: Correio Braziliense

Nenhum comentário