Últimas do Mix

Sites e portais reagem contra criação de selo pelo Sindicato dos Jornalistas do Amazonas

Reunião no Sindicato dos Jornalistas tem pouco apoio para a proposta do selo (foto - SJP/AM)

Na manhã desta segunda-feira (28), mais de 70 veículos de comunicação uniram-se em associação para lutar contra o selo “Qualidade de Jornalismo” proposto pelo Sindicato dos Jornalistas do Amazonas (SJP/AM).

De acordo com o grupo de sites e portais, a ferramenta é na verdade um meio para promover censura e seleção contra a maioria dos veículos de comunicação do estado. Por meio de nota, os líderes do movimento contra o selo afirmam que o “grupo está sendo criado para quem é empresário, dono de portal e Blog no Amazonas. A intenção é unir forças para combater uma fraude que tenta, incessantemente, nos prejudicar”, diz trecho do texto compartilhado em redes sociais.

Em minutos, mais de 70 responsáveis por sites e portais do Amazonas manifestaram apoio e fecharam compromisso contra o “Selo de Qualidade” do Sindicato dos Jornalistas.

A ideia dos empresários autônomos é unir as associações que existem para criar uma só, com intuito de fortalecer e consolidar as ações por meio de assembleia, para que sejam apresentadas estratégias em defesa dos interesses dos veículos de comunicação.

Reuniões

No último dia 25 de março, o presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado do Amazonas (SJP/AM), Wilson Reis, esteve reunido com o Secretário de Comunicação da Prefeitura de Manaus, Israel Conte, que teria, segundo notícia publicada no site da instituição, apoiado a ideia de criação do selo.

Em 10 de março deste ano, o sindicato também apresentou a proposta para Secretária de Comunicação do Estado, Josi Gomes.

Após esses movimentos, os sites e portais do Amazonas, que são contra a ação do SJP/AM, prometeram ingressar na justiça, contra a criação do selo.

Nenhum comentário