Últimas do Mix

Curso de direção para curta-metragem abre inscrições em Manaus

 

Divulgação

Depois de uma parada de quase três anos por conta da pandemia, os cursos presenciais de cinema do Cine Set em Manaus estão de volta. O retorno será com o curso de Direção para Curtas-Metragens com Diego Bauer, diretor de premiados filmes amazonenses como “O Tempo Passa”, “Obeso Mórbido” e “Terra Nova”. 

As aulas serão realizadas no Casarão de Ideias, localizado na Rua Barroso, 279, Centro de Manaus, aos sábados, nos dias 6, 13, 20 e 27 de agosto até 3 de setembro. Sempre das 14h às 18h.  

As inscrições já estão abertas através de formulário online (clique aqui). O investimento é de R$ 250 com emissão de certificado ao término da atividade. 

O curso

Com carga horária total de 20h, o curso traz como objetivo principal apresentar técnicas e mecanismos de planejamento para que um curta-metragem seja realizado da maneira mais profissional possível, dentro de diversos tipos de orçamento.   

Orientações sobre decupagem técnica do roteiro, direção de atores, movimento de câmeras, som e extracampo também serão ensinadas.   

A atividade será teórica e permeada de uma série de exemplos com a exibição de trechos de filmes. Também haverá a decupagem técnica de roteiros desenvolvidos pelos alunos. 

A atividade é voltada tanto para quem nunca teve experiência com cinema como para quem está dando os primeiros passos na área, fazendo os primeiros filmes. Serve também para quem apenas possui interesse na arte e pretende conhecer mais sobre cinema. Público a partir de 14 anos. 

Diego Bauer é diretor, ator, roteirista, curador e produtor cultural. Dirigiu 5 curtas-metragens e 1 série. Ganhou prêmio de Melhor Filme do 3º FESTCimm, com “Enterrado no Quintal”. Melhor Ator no Maranhão Na Tela 2018 e Melhor Som na II Mostra Internacional de São Luís, com “Obeso Mórbido”. Menção honrosa de Direção no Festival Audiovisual de Belém – FAB 2016, com “O Tempo Passa”. 

Seus filmes tiveram participação na Mostra de Cinema de Tiradentes, Cine PE, Panorama Internacional Coisa de Cinema, Festival de Cinema de Vitória, Goiânia Mostra Curtas, Curta Cinema, Lobo Fest, Semana de Cinema e Canal Brasil. 

Fez parte do elenco da minissérie da TV Globo, Aruanas. É um dos diretores da série Boto – 13 episódios de 26 minutos – premiada no Prodav 08/2015. Assistente de direção de “A Febre”, de Maya Da-rin. É curador e produtor do Festival Olhar do Norte. Atuou em 6 espetáculos de teatro, apresentando-se em Manaus, Belo Horizonte e Rio de Janeiro. Escreveu críticas de filmes no site Cine Set de 2013 a 2020. 

As aulas

Aula 1 – Apresentação do Curso e do Facilitador; o Papel do Diretor no set de filmagem; Lógica de Produção, Relação entre o Diretor e o roteiro (6 de agosto);  

Aula 2 – A Importância da Pré-Produção; Como Driblar a Falta de Recursos; Decupagem do Roteiro (13 de agosto);   

Aula 3 – Tirando a Ideia do Papel; Responsabilidades do Diretor no Set; Direção de Atores e Efeitos Kuleshov (20 de agosto);   

Aula 4 – Som, Extracampo e Captação de Som; Relação do Diretor com Diretor de Fotografia, Montador e demais profissionais;  (27 de agosto);  

Aula 5 – Trabalho de Pós-Produção, Curtas ‘Obeso Mórbido’, “Enterrado no Quintal” e ‘Terra Nova’ destrinchados; Práticas Para Exercitar o Olhar; Curadorias de Festivais (3 de setembro). 


Nenhum comentário