Últimas do Mix

Prefeito David Almeida apresenta ao Ministério da Saúde estratégias que mantêm a saúde básica de Manaus como a melhor do país

Foto – Dheizo Lemos / Semcom e Divulgação / Semsa

O prefeito de Manaus, David Almeida, acompanhado da titular da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Shádia Fraxe, apresentou, na tarde desta sexta-feira, 16/9, ao Ministério da Saúde (MS), as estratégias desenvolvidas que levaram a Atenção Primária da capital a se estabelecer como a melhor do país. O município obteve os melhores resultados do programa Previne Brasil, no ranking das capitais, nas duas avaliações realizadas até o momento.

 

“Nós herdamos uma das piores saúdes do Brasil e Manaus conseguiu dar a volta por cima. Temos uma equipe sensacional, temos heróis e heroínas que trabalharam na campanha de vacinação, que salvaram centenas de vidas, e agora nós podemos comemorar um ano depois, e pelos números que temos, muito provavelmente seremos pelo terceiro quadrimestre consecutivo, a saúde básica número 1 do Brasil dentre as capitais e metrópoles, porque essa equipe é determinada. É a mudança de atitude, é a mudança de gestão e nós provamos que com gestão é possível se tornar o melhor do Brasil e estamos fazendo isso na Prefeitura de Manaus”, disse Almeida durante pronunciamento.

 

Na primeira avaliação, que reuniu os dados do último quadrimestre de 2021, Manaus alcançou o primeiro lugar, com o ISF de 8,1. Na segunda avaliação, voltada para o primeiro quadrimestre deste ano, a capital amazonense se manteve na liderança, com ISF de 7,74.

 

Participaram do evento realizado no auditório Belarmino Lins, da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), o secretário de Atenção Primária à Saúde do MS, Raphael Câmara, gestores locais de saúde, representantes de órgãos de apoio e controle, e equipes técnicas da Semsa.

 

“Quando a gestão iniciou no ápice da pandemia, nós, junto com a Shádia, junto com o prefeito, unimos nossas forças com o estado também, é o embrião desse primeiro lugar foi iniciado, com toda a gestão da prefeitura. Conseguimos alocar os médicos e com isso fazer essa atenção primária maravilhosa, exitosa que Manaus tem e é importante mostrar isso para todo o Brasil, e nós vamos fazer isso no Ministério da Saúde”, destacou Raphael Câmara.

 

A titular da Semsa, Shádia Fraxe, explicou que o evento foi solicitado pelo Ministério da Saúde em razão do desempenho da capital amazonense no levantamento do programa, que monitora a qualidade da saúde básica nas cidades, e serve como parâmetro para o financiamento das ações de saúde. A avaliação é feita a cada quatro meses e a expectativa é que Manaus se mantenha em primeiro lugar, com os resultados obtidos no segundo quadrimestre deste ano, de maio a agosto.

 

“A nossa cidade é o espelho da gestão do nosso prefeito David Almeida, que é um portador sempre de boas notícias para nossa cidade. É com muito orgulho que apresentamos hoje todas as estratégias exitosas que tivemos para alcançar o primeiro lugar no ranking das capitais por meio do Previne Brasil. E se Deus quiser vamos comemorar pela terceira vez consecutiva os melhores resultados e só conseguimos, porque estamos todos de mãos dadas”, pontuou a Fraxe.

 

Dentre as estratégias adotadas, a secretária destaca o plano de monitoramento dos indicadores de saúde, com visitas periódicas nas unidades de saúde, motivação e capacitação contínua dos servidores, estabelecimento de metas por equipes e avaliação semanal dos resultados. A secretaria também trabalha para ampliação do acesso aos serviços e potencial de atendimento.

 

Busca ativa

 

Outra iniciativa de sucesso é o fortalecimento da busca ativa de usuários faltosos, tanto presencialmente (de casa em casa) quanto de forma remota, por meio do telemonitoramento. Os públicos-alvos para essas ações são mulheres com atraso no pré-natal, crianças com atraso vacinal e pacientes com hipertensão ou diabetes que deixaram de realizar o acompanhamento em saúde nas unidades.

 

Comunicação

 

A comunicação também foi um dos pontos chave no sucesso das ações da Semsa, possibilitando o engajamento dos servidores com o fortalecimento da comunicação institucional, e a participação da sociedade em geral com a intensificação das ações de divulgação, pelas redes sociais e outras plataformas digitais.

 

Outras medidas adotadas foram: a realização do 1º Fórum Municipal de Vacinação, em março deste ano; o desenvolvimento do Dashboard (painel de monitoramento) “Previne Brasil”, que acompanha em tempo real a evolução dos indicadores; e o lançamento da campanha publicitária “Toda Vacina é Importante”, para estimular a vacinação do calendário básico infantil.

 

Previne Brasil

 

O programa Previne Brasil avalia a saúde básica das cidades a partir de três eixos: o cadastro da população na Atenção Primária à Saúde (APS), as ações programáticas e sete indicadores de desempenho, relacionados à saúde da mulher, pré-natal, saúde da criança e doenças crônicas. O Índice Sintético Final (ISF), que gera o ranking das capitais, considera a proporção dos sete indicadores de saúde.

Nenhum comentário