Últimas do Mix

Prefeitura de Manaus leva ‘Minha Escola Saudável’ a 120 estudantes da rede municipal, neste domingo

Foto – Thaís Araújo/ Semed

Com a participação de cerca de 120 estudantes da rede municipal de ensino, a Prefeitura de Manaus realizou, neste domingo, 21/8, uma ação do programa “Minha escola saudável”. A iniciativa é coordenada pela Secretaria Municipal de Educação (Semed) e teve a finalidade de promover a sociabilização, bem como o desenvolvimento físico integral das crianças e adolescentes, por meio de atividades desportivas. A atividade ocorreu no 4º Centro de Geoinformação do Exército Brasileiro, na zona Oeste.

Os estudantes beneficiados são do ensino fundamental I e II das escolas municipais Guilherme Barker, bairro São Raimundo; Leonardo da Vinci, bairro Nova Esperança, ambas na zona Oeste, e escola municipal João Alfredo, bairro da Paz, zona Centro-Oeste.

Na atividade, as modalidades esportivas desenvolvidas foram vôlei; basquetebol; e badminton, com ênfase para o remo, desporto de velocidade praticado em embarcações estreitas, nas quais os atletas se sentam sobre barcos móveis, sendo considerado uma atividade física de resistência e força.

O subsecretário de gestão educacional, professor Júnior Mar, explicou que a atual administração preza por um processo educacional transversal, na perspectiva de aliar a educação às práticas esportivas.

“O prefeito David Almeida é um esportista e que fomenta a atividade física aqui em Manaus. Então, temos nesta manhã uma ação muito proveitosa do ‘Minha Escola Saudável’, gerenciado e apoiado pela nossa secretária Dulce Almeida. Hoje, tivemos badminton, basquete, remo e esse é o nosso trabalho que fomenta a educação aliada ao esporte”, disse Júnior Mar.

 

Atividades

A manhã de exercícios teve um sabor especial aos estudantes, que puderam vivenciar a experiência de observar e compreender na prática como funciona a modalidade de remo, bem como puderem ser orientados acerca de suas técnicas e benefícios para a saúde a longo prazo.

Os estudantes receberam as orientações do experiente professor de educação física, Manasseh Barbosa, que ensina essa modalidade esportiva a crianças e jovens há 42 anos. O educador desempenha a função de coordenador do remo no programa “Minha Escola Saudável” e destaca como o esporte pode mudar vidas.

“Nesta ação, estamos desenvolvendo atividades com o remo e olhem a alegria e felicidade das crianças, porque estão se movimentando e se educando. O esporte é uma ferramenta muito importante para educação e o prefeito David Almeida está de parabéns. Essas iniciativas voltadas à proteção da criança, de ocupação do tempo ocioso e de controlar a saúde com a questão alimentar são positivas e para tudo isso o esporte é um grande aliado”, comentou.

O estudante do 8° ano B, Valkian Santos,15 anos, da escola municipal Guilherme Barker, afirmou que gostou da atividade em pleno domingo. “Eu estou achando essa atividade muito boa, ainda mais por praticar a modalidade do remo, porque isso é muito importante para minha vida. Participo do programa há três meses e já aprendi a remar, nadar melhor e andar de caiaque e havaiana”, contou.

Para a estudante Clarissa Cardoso, 10 anos, do 5° ano B, da escola municipal Pintor Leonardo da Vinci, participar da atividade valeu a pena.

“Estou gostando muito, porque eu nunca vim para um passeio escolar e essa é minha primeira vez. Os professores e as atividades foram muito legais. Pratiquei badminton e teve uma palestra, entrei na água e vou tentar fazer o remo também. Tudo bem legal”, expressou.

A estudante foi acompanhada pela sua mãe, a manicure Rocicleide Cardoso, que aprovou a iniciativa extra sala promovida pela Semed.  “Eu achei maravilhoso, porque é um exercício a mais para as crianças em ter uma ocupação neste domingo. Tudo isso vai melhorar o desempenho da Clarisse na escola, pois ela já é ativa, então isso é mais um belo incentivo”, afirmou.

 

Conceito

O programa “Minha Escola Saudável foi criado em 2021” e é uma ação exitosa da rede municipal de educação. A iniciativa está entre as atividades desenvolvidas pela Divisão de Apoio à Escolar (Dage) e já atendeu 32 escolas, além de cerca de 1.400 estudantes. Os impactos positivos da ação são o aumento da melhor participação em atividades físicas, acesso à alimentação mais saudável e melhor socialização na comunidade escolar.

Conforme o coordenador do programa, Luiz Oliveira, o projeto possui a característica de ser abrangente a fim de proporcionar aos estudantes melhores condições de vida. Além disso, mencionou como a ação atingiu o seu objetivo em prol da educação municipal.

“O programa ‘Minha Escola Saudável’ é uma ação multidisciplinar e envolve várias áreas. Tem a questão da atividade física, mas também temos acompanhamento nutricional, psicologia, além de abranger várias modalidades esportivas. Hoje, priorizamos a atividade do remo, porque a gente quis envolver todas as modalidades no ambiente do remo. Então, em uma manhã de domingo, ter o esporte e a educação contribuindo para esses mais de cem meninos do programa é muito satisfatório”, ressaltou.

Além das atividades físicas, também houve um cardápio especial com frutas e sucos para os alunos, pais e professores envolvidos, além de uma breve palestra ministrada pela nutricionista da Divisão de Alimentação Escolar, Solange Freitas. A profissional de saúde explicou o acompanhamento nutricional que os estudantes recebem.

“Fazemos educação nutricional nas escolas, preparamos o cardápio e vemos os alimentos para enviar às escolas. Nossa equipe dá orientações e realizamos palestras com os alunos, pais e comunidade para estimular essa alimentação mais saudável”, completou.

Nenhum comentário